O Teste do Amido!

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Qui Abr 09, 2009 3:57 pm

Notícia interessante, ligada a "tostar" oleaginosas,
ou a "secar" ou "desumidificar" frutas/vegetais.
É barato, apenas 3,7 euros cheers.

É como tinha dito outro dia. Existe a tecnologia, mas não se fala muito disso. Enfim, existem as Telenovelas/Futebol/Concursos para parar o pensamento...



Citação integral:
[ Caixa de cartão ganha prémio internacional “climático” de 75 mil dólares
09.04.2009, por Helena Geraldes

Um forno solar numa caixa de cartão que custa apenas cinco dólares (3,7 euros) a fabricar ficou em primeiro lugar no FT Climate Change Challenge, prémio internacional de ideias para lutar contra as alterações climáticas, foi hoje revelado. Jon Bohmer vai investir os 75 mil dólares (56,6 mil euros) a testar a “Caixa Quioto” em dez países e ajudar dois mil milhões de pessoas nos países mais pobres a deixar de usar lenha para cozinhar.

A “Caixa Quioto”, que será distribuída gratuitamente, aproveita o efeito de estufa para cozinhar e pode levar dez litros de água ao ponto de ebulição em duas horas.

O dispositivo consiste em duas caixas de cartão, uma dentro da outra, com uma cobertura de acrílico que deixa a luz do Sol entrar e a acumula. A caixa de dentro está pintada de preto e a de fora está forrada com uma folha metálica para ajudar a concentrar o calor. Uma camada de palha ou jornais entre as duas caixas ajuda ao isolamento.

“Estamos a salvar vidas e árvores”, explica este norueguês à frente da Kyoto Energy, um negócio familiar sediado no Quénia, em comunicado. “Duvido que haja outra tecnologia que consiga ter tanto impacto com tão pouco dinheiro”.

A caixa de cartão, transformada em forno solar, pretende salvar as crianças que todos os anos morrem por beberem água não potável, permitindo às suas famílias ferverem essa água para matar os germes. Além disso, reduz os riscos de doença causados pela inalação de fumo, ao evitar a queima de lenha. Bohmer estima que, anualmente, sejam poupadas duas toneladas de carvão por família.

O forno solar recebeu o apoio da família de Bohmer. O pai mobilizou apoio para o projecto na Noruega e a sua filha Amina, de cinco anos, ajudou a construir o protótipo.

Este empresário pretende utilizar o prémio na realização de testes massivos em dez países, entre os quais Moçambique, Índia, Indonésia, África do Sul, Quénia, Uganda, Tanzânia e Libéria.

“A ‘Caixa Quioto’ tem o potencial para transformar milhões de vidas e é um exemplo de uma inovação sustentável e passível de ser concretizada a larga escala”, comentou Peter Madden, director-executivo do Fórum para o Futuro (Forum for the Future), entidade que organiza o prémio.

A energia do Sol já é utilizada nos países mais pobres. Mas o que impressionou o júri – onde estiveram Richard Branson e Rajendra Pachauri - foi o potencial para a produção em larga escala. “Podemos começar a fabricar centenas e centenas de fornos solares todos os meses”, contou Bohmer à BBC online.

Bohmer espera obter financiamento do mercado internacional de carbono. Ao demonstrar que utilizar a “Caixa de Quioto” significa reduzir emissões de gases com efeito de estufa, ele pode ganhar créditos de carbono de empresas e países ocidentais.

Esta competição climática, que recebeu 300 projectos candidatos, teve o apoio financeiro do jornal “Financial Times” e da empresa Hewlett Packard.]


link:
http://ecosfera.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1373536

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Sex Abr 10, 2009 10:38 am

No passado dia 12 de Março vimos já amêndoas (sem pele e tostadas). albino

Dado que o resto dos testes tem sido com oleaginosas cruas, vamos colmatar essa falha.
E também para testar a casca, coisa que era impossível de fazer no caso anterior.
Há que testar o que se tem. Poupar! Smile
Sobre como preparar amêndoas tostadas, já indiquei antes uma solução segura.

Hehe Smile este caso da amêndoa é caricato, ainda mais que o da banana. jocolor
Mereceria até futuras investigações (se houvesse tempo).
Os resultados do iodo hoje (cruas) são semelhantes aos verificados no mês passado (tostadas).


FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

.

Mensagem  FreePort em Sex Abr 10, 2009 12:46 pm

Óleos para fritar. Poli insaturados. Temperaturas. Tostar/torrar/assar as fontes de poli insaturados?

Já indiquei uma receita para tostar amêndoas em casa
(usando temperaturas inferiores a 65º Celsius
).

Não faço ideia das temperaturas de torragem industrial.
Mas como essa gente pensa no lucros & nos lucros & nos lucros...
deve fazer como fazem nos restaurantes: "tempo é dinheiro". pig pig pig



Eu "malhei" no gráfico acima (meti umas cores, legendas e linhas)
para ficar mais evidente o que devia ser óbvio,
mas que devido à "mentalidade língua doce", muita gente ignora e despreza.
... guiam-se pela língua (papilas gustativas) ...
... e não pela testa (neurónios) e ciência (livros chatos) ...
... e por ouvir dizer e não por testes... Smile

Antes que pensem: "ah, mas o óleo de fritar é para descartar..."

Siiimmm?? E o óleo que os alimentos absorvem? E reparem que o sensor de temperatura está "no meio da croquete (1 croquete bem grande), logo no exterior da croquete a temperatura é bem mais alta.

Nos fornos (pão, assados, etc) já as pessoas tem uma ideia melhor das altas temperaturas envolvidas.
Em princípio devia ser semelhante às indicadas nas regulações: 70ºC, 100ºC, 150ºC, 200ºC, 250ºC, etc.
..............................................

A medição da temperatura de água a ferver em cachão, dá-me a mim 99-100ºC (termómetro não calibrado). Normal e esperado.
..............................................
A ferver azeite (virgem extra, de primeira extracção a frio), passa rápido aos 100ºC, nas calmas sem visualmente aparentar nada.

Aos 134ºC começa o azeite a fumegar ligeiramente e a cheirar a fumo. E a partir daí o fumo piora muito, e ainda assim sem borbulhar nada. What a Face affraid

O meu termómetro só vai até aos 150ºC e os fumos são irritantes das mucosas e olhos. Assim por amor ao termómetro e ao ar puro, fui até onde podia Smile
Claro está... o azeite foi para descartar. Coitado do azeite, sacrificado aos deuses da ciência king



Bem, acho que não é preciso ter muita imaginação para perceber que
já antes de "fumegar",
já nutrientes estavam a ser destruídos ou semi-inutilizados,
ou a produzidos compostos cancerígenos, não é?

geek

1 termómetro de cozinha é útil. Ou mais.
Pelo menos 1 termómetro, a dona de casa que se preza deve ter.

(continua...)

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Sex Abr 10, 2009 4:40 pm



Vejam outra vez o gráfico dos fritos (croquete).
E verão que nem todo o óleo dá para restaurantes ou para a indústria.
E que óleos mais refinados, aguentam temperaturas mais altas.

Percebem agora porque os óleos à venda são sobretudos refinados?
Por serem baratos, por não soltarem cheiros, por aguentarem fritura após fritura, por se conservarem "n" tempo.


Mas não é por terem mais e melhores nutrientes, ou por terem uma composição boa para o corpo humano. cat

Sobre o azeite, há alguma variação de "pontos de fumo" (e outras temperaturas características) dependendo da sua origem e como foi feito. Eu vi uma vez um teste feito na mesma altura a 3 garrafas de azeite de alta qualidade com variação de alguns graus entre elas, resultado que admirou 1 bocadinho o perito.

....................................................................

Sobre a questão do "lucro-aumentando-a-temperatura-do-frito-torrado":



Pode ser que haja almas ingénuas que acreditam na propaganda alimentar...
No entanto marcas de restaurantes bem conhecidas, por exemplo o McDonalds, tiveram de ser "arrastadas à força" para deixarem de usar trans-fats (gorduras hidrogenadas) na confecção dos alimentos. O McDonalds lutou e adiou o mais que pode... e depois disso ainda mais 1 bocadinho...
A coisa só andou para a frente com multas e com denúncias na imprensa que não estavam a cumprir.

Por isso, quando uma oleaginosa diz: "torrado"...
Levem à letra, foi torrada mesmo.
santa

E acerca de se foi torragem rápida a alta temperatura, ou lenta a baixa temperatura...
Não diz na embalagem claro, vai o fabricante torrar 1h (admitindo que é possível) ou em 24h?

Deixa pensar... clown clown clown
....................................................................

E agora reparem nestas "comidas civilizadas" do gráfico abaixo.
Terão as temperaturas algo a ver com a produção de compostos cancerígenos (por ex. a "acrylamide")?



De notar que certos compostos da gordura, os poli insaturados (apesar das tretas nutricionais na moda) são mais susceptíveis a "degenerarem", são mais instáveis.

Por essas e outras razões é preciso saber escolher óleos e oleaginosas e saber o que se pode ou não fazer com eles/elas.
Ah, coitada da margarina...
o que vale é dá muito lucro e isso faz muita gente cega e surda.


....................................................................

Abrindo ainda mais os olhos...
os poli insaturados (em pessoas de alimentação normal) não estão onde vocês esperavam.
As medições são da cidade da "fruta e café com leite".



Pensem em nutrientes e não em alimentos.
Nós precisamos de nutrientes, não de alimentos ou grupos alimentares.


Por isso "pirâmides" ou "rodas dos alimentos tugas" são propaganda decorativa.
Para as crianças mete-se uns desenhos coloridos,
para os chicos-espertos mete-se umas coisas mais sofisticadas Smile
....................................................................



E depois a culpa é do colesterol, o bode expiatório e outro bom negócio... Smile
Sem colesterol estávamos todos mortos.
Todos.
queen

(talvez continue... clown )

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Sab Abr 11, 2009 1:01 pm



É um vegetal que se pode comer crú á dentada (tirando a casca ou não),
ou fazendo sumo e aproveitando a polpa para adicionar crú à comida já preparada.

O meu "faz-sumos" é pouco eficiente a extrair o sumo, hoje em dia há modelos muito melhores
(mas dado que ainda funciona tenho relutância em comprar outro).
Assim, para sumos, pode-se usar 2 pepinos sem ter receios de ser sumo a mais.
O pepino em questão tinha 222g (menos meia rodela usada no teste).

Anotei este alimento como uma fonte de potássio,
mineral importante a fazer uma alimentação baixa em amido
(ou dietas com carbs baixos),
devido à redução de certos alimentos.

Assim, dá o seu contributo de potássio (não chega, claro)
e é uma bebida agradável
(se não se for língua-doce rendeer viciada em doçura Smile ). Twisted Evil Twisted Evil

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Sab Abr 11, 2009 4:09 pm



É o segundo teste que se faz a tomate crú, desta vez testando a casca e a polpa moída.

Novamente, devido a ser um vegetal fora de época, apresenta amido.
Tenho a esperança de no verão ser possível encontrá-los frescos, vermelhinhos e sem amido. cat

A zona do corte da casca reage ao amido.
Isso tem explicação, corta-se a embalagem vegetal e o amido fica mais exposto.

Segundo creio é o mesmo princípio de cozer cereais, cozendo, fica o amido mais acessível, daí a teoria de que comendo crú um vegetal com algum amido daria menos reacções que o mesmo, cozido.

Sobre a polpa, apesar de só ter usado a parte carnuda do tomate (para moer) a questão do líquido é difícil de contornar e torna difícil quantificar.

E ainda entendo menos a questão da cor do tomate em vidro (só triturado) sem corantes,
e vermelhinho da silva. scratch
Moído, mesmo com apenas com a parte carnuda (sem parte meia branca do interior) dá um vermelho clarinho...
lol!

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Dom Abr 12, 2009 1:33 pm



Oliveira, Azeitona, Azeite (acho que também existe pasta de azeitona).

A azeitona leva 12% de IVA... vá-se lá saber porquê.
Enfim... para o governo todas as razões para impostos são boas. pig
Essa do 12% aplica-se em produtos processados. Mete-se a azeitona em água e pimba, Tchling!!! Soma +7% de IVA (produto nacional). clown

Acho um tanto estranho não se ver azeitona congelada e se usar água e sal. E a quantidade de sal é 1 exagero. affraid

Sódio (sal) em excesso é mau para os ossos.
E não é bom para 1 série de coisas.

Por isso beber águas com muito sódio, pode ser contraproducente.

Diz-se que em Portugal já se ingere um excesso de sódio.
Enfim, os fabricantes de comida "fácil" tem de disfarçar o maus sabor da mesma com um sabor forte: o salgado. E depois faz beber mais (mais lucro no restaurante/vendas de bebidas).

A tabela Tuga é minimalista: azeitonas ! Embarassed
Devem ter contratado 1 Marroquino para poupar nas despesas... Suspect

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

.

Mensagem  FreePort em Seg Abr 13, 2009 5:47 am

Convém acrescentar mais umas coisas.

Creio que já vi azeitonas embaladas a vácuo (não me lembro se eram salgadas ou não).
Se forem sem sal, ou com pouco sal, são uma opção.

Para o teste escolhi azeitonas inteiras e depois tirei-lhes o caroço.
6 azeitonas pequenas dá 16 gramas (sem caroço).
Usando azeitonas maiores dá menos azeitonas, claro está (para o mesmo peso comestível).

Eu prefiro azeitonas pretas.

Não percebo como um país que produz azeite e azeitonas, faz 1 única análise, dizendo isto e só isto: [ Azeitonas ].
Há vários tipos de azeitona, caramba !!! Twisted Evil

A esta altura do campeonato já devem saber que o iodo não dá para testar companhas negras, forças negras, ou AZEITONAS NEGRAS.
Admito que um especialista, com iluminação especial e talvez umas adaptações possa faze-lo, mas para mim, testar coisas negras, ou líquidos, com o equipamento que tenho e os conhecimentos de fotografia que tenho, não é provável.

Indico aqui o que comprei (o mais barato). Para testar (não sendo azeitonas negras) deu bem.



Lembro isto:
dado NÃO ser uma comida que provo habitualmente (uso azeite)...
dado que existem "n" marcas de azeitonas...
dado que é provável que algumas marcas tenham menos sal (para exportação, talvez Smile )...
dado que de vez em quando (existe pelo menos 1) há testes (DECO) de azeitonas...

Pode ser que se persistirem, encontrem uma marca de azeitonas, aceitável.
Nem que tenham de ir ao produtor (agricultor). farao

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Seg Abr 13, 2009 2:35 pm



Bom e bonito Smile

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  Susana Lopes em Ter Abr 14, 2009 3:26 am

Os dados que partilhaste connosco são incríveis! Principalmente, o facto das gorduras serem bem menos prejudiciais que os cereais.

Realmente, existe mesmo a tal campanha contra nós. Mas será que ninguém faz nada? Estamos a ser envenenados e... ficamos todos a ver?!

Obrigada pelos testes às oleaginosas. Sempre foi uma das minhas grandes dúvidas... eu fiz testes às avelãs, amêndoas e nozes. Mas ficava sempre a dúvida. Os teus testes são bem bem explícitos, já que tu deste "tempo" ao iodo... eu nunca esperei Rolling Eyes .

Uma pergunta (daquelas minhas Embarassed ): o amido da amêndoa encontra-se todo na pele; será que a pele das nozes não terá amido?


Um abraço e até de repente!

Su

Susana Lopes

Mensagens : 364
Data de inscrição : 27/12/2007
Idade : 43
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://espondiliteanquilosante.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Ter Abr 14, 2009 7:36 am

Olá Susana Smile
Sim, posso acrescentar mais alguma informação e mais uns testes para se tirar isso a limpo.
Parte da informação já a tenho Smile
É preciso é dar uns nós para ficar mais "unida". E isso leva algum tempo.

No entanto...
Eu dei uma atenção ao teste das oleaginosas (nozes, sementes, frutos gordos) porque li que a Susana usava. Não concluí, tenho noção disso, mas a si não lhe digo que não Smile

Por isso o mais tardar até ao fim de semana ficará mais claro.

E não se esqueça de me ajudar a ajudá-la... Eu estou à espera.

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Ter Abr 14, 2009 1:17 pm

Como diria outra pessoa:
«gostei da primeira parte do teu comentário (citação aqui...),
gostei ainda MAIS da segunda parte do comentário» (citação aqui...).

hehehe jocolor
............................

No caso concreto:
"já que tu deste "tempo" ao iodo... eu nunca esperei"

Esta é a parte importante: a parte que se pode mudar/melhorar.
Assim, para melhorar...
a menina Susana deve emprestar menos o "tratado da Sinclair sobre Iodo" Smile

No "tratado da Sinclair sobre Iodo", pode-se ler na página 69, na linha 5, no segundo versículo:
"Some foods take longer than others to show the starch content. On nutmeg for example, takes about 30 minutes before the iodine drop turns almost black."

E é capaz de haver outras citações... a repetir usar "tino" com o tempo. Ou o tempo com tino.
Enfim, a comida a testar é para descartar... e é... Embarassed
Eu uso o timer do meu relógio de pulso. E não fico a olhar enquanto o iodo evapora. pirat

Desde o princípio, tive o cuidado de tirar uma pic logo após aplicar o iodo. Porque tem piada e porque é importante para comparar a mesma amostra com iodo, variando apenas o tempo. Pode haver 1 teste ou outro que não tenha a pic intermédia (logo após o iodo) mas isso deve-se a um resultado por demais evidente, ou questões de espaço da pic.

Assim, pese o tempo dispendido em testes e o muito espaço de computador (Mb) para arquivar, obrigou-me a ser sistemático e fazer coisas que pudessem ser comparáveis. Pelo menos tempos iguais.

Livros emprestados, não dão para consultar, não é?
Ah, as "adjectivadas" segundas partes dos meus comentários... clown
................................................
Hoje fiz 1 teste a 1 morango (não podia adiar, dado que se estragam).

Estou a preparar info sobre as amêndoas (e afins).
Aparentemente posso ter induzido sem querer pessoas num erro e estou a ver como isso aconteceu para o corrigir.

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

.

Mensagem  FreePort em Ter Abr 14, 2009 4:06 pm

.


Última edição por FreePort em Dom Fev 28, 2010 1:49 pm, editado 1 vez(es)

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

.

Mensagem  FreePort em Qua Abr 15, 2009 5:20 am

Sobre tostar-torrar-cozer-assar & temperaturas...

Conselhos práticos, para quem cozinha...: cat

Citação:
"Cancer Causing Chemicals

When foods such as beef, pork, chicken, and fish are cooked at very high temperatures, they produce compounds called heterocyclic amines (HCA).

Different cooking methods yield different levels of HCA’s.
Frying, deep-frying, broiling and barbequing are cooking techniques that produce the highest amount of HCA's.
Grilling also poses an additional problem because the smoke that rises from the coals is absorbed by the meat, which we ultimately ingest."

.................................................................
" Higher HCAs, Higher Colon Cancer

In a study evaluating the relationship between colon cancer and meat intake, it was found that there is a strong association between INCREASED CONSUMPTION of HCAs and diagnosis of colon cancer."

.................................................................
E tem boas medidas, simples, que se podem aplicar na prática: cheers

"Take Action

Avoid eating meats well-done and resist the temptation to eat those seared, crispy outer parts of the meat.
Oven roasting, baking, stewing, boiling, or poaching are done at lower temperatures - therefore yield little to no HCA's.

Try seasoning meat after it has been cooked with sauteed garlic, onions and parsley--this can substitute for the flavor you might be missing.

Also, finely slice your sweet potatoes and bake in the oven with olive oil until crispy--top meat with these if you miss those crispy bits and pieces (also a great source of beta-carotene!). "

.................................................................

"The Harvard Medical School (Health Letter, June 2007) suggests the following tips for safer and healthier grilling:
cook smaller pieces (this helps to cook your food more quickly using lower temperatures);
choose leaner meat (less fat will reduce flames and therefore your food will be exposed to less smoke);
flip frequently (both sides have time to absorb or lose too much heat)."

.................................................................

link:
www.livestrong.com/article/10984-cooking-high-temperatures-cancer-risk

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Qua Abr 15, 2009 2:27 pm

citação da Susana:
"será que a pele das nozes não terá amido?"

......................................
Peço desculpa por as fotografias de testes anteriores não serem tão nítidas quanto deviam. Embarassed

Deve-se a eu estar a aprender a usar a máquina, não ter educação nesse tema, a dita cuja funciona mal com luz fraca, usar um host de pics grátis (logo não quero abusar da bondade do mesmo) e também não querer sobrecarregar o site da Susana, com imagens enormes. Assim, a compressão das imagens reduz a qualidade das mesmas.



Dito isso, a tarefa é simples.
É só uma questão de usar pics maiores (tem mais detalhes) e menos imagens.

1) Apliquei 1 gota de iodo na pele, na face interna.


......................................

2) Apliquei 1 gota de iodo na pele, na face externa.


......................................

3) Apliquei 1 gota de iodo na noz (no topo) e 1 gota de iodo na lateral (sem pele).



Os resultados são mais detalhados que no teste 1 à noz crua (de 09 Abril 2009).

No entanto, como tenho tentado dizer...
amido é apenas parte dos critérios de selecção de comida.
Uma parte importante para quem sofre de AS, mas quem além disso, aplica "vitamina Tino"... progride mais rápido.


......................................
Uma tentativa de explicar o como e porquê dos resultados:

a) é possível que os "veios da noz", num caso ou noutros (se calhar depende do estado de maturidade, ou de quando foi colhida, talvez mais madura = menos amido.

b) tem sido consistente a cortar vegetais e outros que a zona da pele cortada tende a reagir mais.
A Sinclair tentou explicar isso e relacionar com o cozimento... "libertar o amido" do envelope vegetal.

Penso que a pic abaixo feita no microscópio, ilustra bem esse fenómeno:



(continua, com a parte das amêndoas...)

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Sex Abr 17, 2009 4:11 am

.


Última edição por FreePort em Dom Fev 28, 2010 1:50 pm, editado 1 vez(es)

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

.

Mensagem  FreePort em Dom Abr 19, 2009 7:44 am

Post número 1001 (mil e um) do fórum !
Esperei que a Susana fizesse as honras.

Diria que quando começei a postar por aqui se andava nos 500-600?
É um progresso. Veremos se chega aos 2000 posts este ano.

O dia está bonito, e enquanto se aguarda...




Mostra-se o tradicional e o que faz sentido (usando essa opção, a opção amêndoa).
Eu prefiro soluções mais simples, mas isso sou eu. cat

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Seg Abr 20, 2009 4:43 pm



Quem diria, ha Smile ?

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Qua Abr 22, 2009 3:54 pm

Camaradas!!

O sindicato pede a vossa solidariedade para com o post abaixo,
que devido à crise errr... externa, vai sem testamento ... err... sem texto. Embarassed

Dá-se apenas 1 explicação simplex:

não é 1 fruta com café com leite à moda do Bimbo da Costa... não...
... é 1 maçã (apple), á moda "campanha negra". clown

...e quem disser o contrário leva 1 competente processo por difamação e calúnia Smile
Porque quem se mete com iodador... leva! clown Evil or Very Mad pig

................

Como alguns de vocês provavelmente já subentenderam, não faço post dos testes que vou fazendo. Por exemplo de bananas (inclusive do Equador) tenho um série deles que não cheguei a editar.

Vou aprendendo conforme posso e à falta de quem me explique um detalhe ou outro...
experimento
(aquilo que ensinam na escola, mas que nem os professores praticam).
...................

Este teste achei interessante.
É uma primeira versão.

O mérito cabe à Susana que me deu a ideia, devido à sua técnica:
"pinga-de-repente-e-foge-sem-ver-o-resultado".

Tenho outras ideias, mas no momento ainda tenho de solucionar umas dificuldades técnicas (coisas simples)...

E não se esqueçam... foi devido a 1 maçã... em que a Eva meteu o dente sem ter testado... queen


FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Qua Abr 29, 2009 11:29 am

Como detectar se a sua massa de trigo tem amido... em 13 segundos!

(a ponta plástica rosinha, no canto esquerdo, é a origem da campanha negra pig )



Já há algum tempo que queria fazer algo como o acima, mas havia (e há) dificuldades técnicas.
Não ter tripé para apoiar a câmara dificulta as coisas, entre outras coisas.

Enfim... à 4ª gota lá acertei na massa Smile
Não muito ao centro, admito... jocolor

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Seg Maio 04, 2009 2:26 pm



Para os mais distraídos...
não é 1 árvore...
nem 1 cogumelo verde...
nem 1 5por7inguista cabeludo...
é... 1 bróculo (1 cacho) !

Os resultados não são famosos, ainda assim pode ter sido do exemplar que não estava bem maduro. Ver-se-á noutros testes...

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  FreePort em Qui Maio 07, 2009 9:56 am





Desta vez procurei um brócolo maduro, grande e "sem medidas normalizadas", que me saiu a metade do $ do anterior Smile Após 30 minutos as pontas são a única parte que apresenta ligeiros traços de amido, coisa pouca. Eu não costumo comer brócolos crús, mas suponho que se pode fazer sumo e cozer o resto. E é capaz de não ser má ideia.


A questão de "maduro" ou "não maduro" & amido...
ficou aqui bem clara ao comparar com os resultados
da primeira amostra (hipermercado)
com a segunda amostra (pequena loja de frutas e vegetais).

Segundo creio, lá para o verão... será possível encontrar tomate fresco sem amido (na estação própria do tomate).

Nota: é Brócolos (certo) e não brócolos (errado) cat Embarassed

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Amêndoas

Mensagem  Maria em Dom Maio 10, 2009 10:15 am

Boa tarde e votos de um bom domingo para todos:

Após duas consultas por uveíte o oftalmologista suspeitou de um problema reumático. Indicou que a minha filha, de 25 anos, realizasse exames: a nível do sangue a urina tudo bem: HDLA negativa, proteína C reactiva negativa...No entanto, o raio x revelou esclerose subcondral
Após 2 meses em consulta de reumatologia levantou-se a hipótese de um problema reumático. Novamente os exames realizados nada evidenciam (HDLA, anti nucleares, proteina C reactiva negativos). No entanto, a tac detectou sacroillite esquerdo e direito. Foi receitado anti-inflamatório (para tomar quando sentir dores) e marcada nova consulta para daqui a 3 meses.
A médica referiu que ainda não estava bem definido o problema (uma vez que as queixas são: uveites e dores quando tem que andar por mais tempo ou quando permanece em pé parada por algum tempo) mas poderá ser EA.

Ouvindo falar na dieta sem amido, sem entrar numa dieta rigorosa (até porque a minha filha receia ver-lhe retirada uma enorme fatia de alimentos necessários ) eu tenho tentado reduzir o nº de alimentos com amido. Comprei amêndoas sem pele, pois fiquei com a ideia de que estas estariem 100% livres de amido...Será?

Ao ler o artigo que transcrevo fiquei na dúvida: as amêndoas para pessoas com EA serão aconselháveis?

Almonds, as well as being high in vitamin E and other minerals, are also thought to have other health benefits, such as reducing cholesterol. Recently published work by the Institute of Food Research has identified potential prebiotic properties of almonds that could help improve our digestive health by increasing levels of beneficial gut bacteria.

Ads by Google
Safe Food, Naturally - www.BioReduction.com
Pasteurization processes for fruit, peanuts, nuts, almonds and spices

Our digestive system maintains large population of bacteria that live in the colon. Prebiotics are non-digestible parts of foods that these bacteria can use to fuel their growth and activity. These 'good' bacteria form part of our body's defence against harmful bacteria and play a role in the development of body's immune system. The prebiotics work by stimulating the growth of these bacteria. However, in order to get to where they are needed prebiotics must be able to get through the upper part of the intestine without being digested or absorbed by the body.

Funded by the Almond Board of California, IFR scientists first used the Model Gut, a physical and biochemical simulator of the gastro-intestinal tract, to subject almonds to the same conditions experienced in the stomach and small intestine. They then added the digested almonds to an in vitro batch system to mimic the bacterial fermentation in the large intestine and monitored its effect on the populations of intestinal bacteria.

The study, published in Applied and Environmental Microbiology, found that finely ground almonds significantly increased the levels of certain beneficial gut bacteria. This effect was not seen when the fat content was removed from the almond preparation, suggesting that the beneficial bacteria use the almond lipid for growth, and this is the basis for the prebiotic effect of almonds.

Previous studies have shown that the amount of available lipid is reduced if the almonds are not processed, for example by grinding as in this study or by chewing. The length of time the almond spends in the digestive system also affects the amount of available lipids and proteins. More detailed studies on the digestibility of almonds are now required, and the prebiotic effect of almond lipids needs to be tested in human volunteers.

Source: Norwich BioScience Institutes

Outro pedido:

Quem me pode indicar a lista segura de alimentos sem amido:

Obrigada,
Um abraço com votos de saúde para todos

Maria


Última edição por Maria em Sab Ago 14, 2010 12:54 pm, editado 1 vez(es)

Maria

Mensagens : 35
Data de inscrição : 24/01/2009
Localização : Um lugar no mundo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

.

Mensagem  FreePort em Dom Maio 10, 2009 1:01 pm

Maria,

a questão da amêndoa, em termos de amido,
vê-se melhor com o teste de iodo do que com tabelas.

Não posso acrescentar muito ao que já disse sobre a amêndoa.
A faze-lo teria de falar na fibra e isso tornaria este assunto mais complicado. No

Nesta thread a partir da página # 5 (12 Março de 2009 em diante), tem info sobre as amêndoas e outras oleaginosas.

A meu ver as oleginosas a ser usadas (para gente com AS) justifica-se sobretudo por razões de não tolerância de outros alimentos. Mas na prática creio que muita gente com AS (e outros problemas digestivos) procura oleaginosas (nozes, sementes, amêndoas, etc) por gostar do paladar, para ter mais variedade na comida e por receio de mal nutrição. Ou por serem vegetarianos/vegans e não quererem morrer de fome Smile

Não é essa a minha opinião, mas eu aprendi a separar "apetite/glutonaria" de "fome/necessidades físicas".


Última edição por FreePort em Dom Nov 22, 2009 12:48 pm, editado 1 vez(es)

FreePort

Mensagens : 126
Data de inscrição : 05/02/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  Maria em Dom Maio 10, 2009 1:14 pm

Olá Freeport


Obrigada pela sua resposta e sugestões, vou ler com mais atenção as informações que me sugeriu

maria Smile

Maria

Mensagens : 35
Data de inscrição : 24/01/2009
Localização : Um lugar no mundo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Teste do Amido!

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 1:18 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum