Portadora EA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Portadora EA

Mensagem  Danielli G. em Ter Dez 27, 2011 11:28 am

Boa tarde

Me chamo Danielli, tenho 27 anos e a 4 meses venho sentindo dores em meu pescoço, joelho, calcanhar direito e coxa direita. Procurei um médico ortopedista e fiz vários exames de raio x e de sangue que por fim detectaram o B27 positivo. A 3 semanas procurei um reumatologista que solicitou vários outros exames e raio x e diagnosticou a EA. Desde que comecei a sentir dores venho tomando relaxantes musculares, anti inflamatórios e remédios para conter a dor, que neste momento já não estão mais fazendo efeito. Hoje peguei com meu médico o processo para a solicitação do remédio Humira pelo SUS, porém confesso que lendo a bula e as contra indicações estou com um pouco de receio de tomar a medicação.
Sou funcionária pública da prefeitura, sou Assistente Social e meu médico me deu atestado médico por tempo indeterminado para tentar através da Previdência Social receber o Auxílio Doença. Talvez o que mais me incomode não seja as dores, mas o fato de estar "incapacitada" para o trabalho sendo eu uma pessoa sempre tão ativa e independente..

Agradeço o espaço para podermos nos abrir.


Dani [i]

Danielli G.

Mensagens : 1
Data de inscrição : 27/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Portadora EA

Mensagem  tania mara em Qua Dez 28, 2011 7:41 pm

Danielli G. escreveu:Boa tarde

Me chamo Danielli, tenho 27 anos e a 4 meses venho sentindo dores em meu pescoço, joelho, calcanhar direito e coxa direita. Procurei um médico ortopedista e fiz vários exames de raio x e de sangue que por fim detectaram o B27 positivo. A 3 semanas procurei um reumatologista que solicitou vários outros exames e raio x e diagnosticou a EA. Desde que comecei a sentir dores venho tomando relaxantes musculares, anti inflamatórios e remédios para conter a dor, que neste momento já não estão mais fazendo efeito. Hoje peguei com meu médico o processo para a solicitação do remédio Humira pelo SUS, porém confesso que lendo a bula e as contra indicações estou com um pouco de receio de tomar a medicação.
Sou funcionária pública da prefeitura, sou Assistente Social e meu médico me deu atestado médico por tempo indeterminado para tentar através da Previdência Social receber o Auxílio Doença. Talvez o que mais me incomode não seja as dores, mas o fato de estar "incapacitada" para o trabalho sendo eu uma pessoa sempre tão ativa e independente..

Agradeço o espaço para podermos nos abrir.


Dani [i]


Oi Danielli

Também recebi o diagnóstico a pouco tempo e estou com medo. No início senti dores muito fortes que foram diminuindo com uso de antiinflamatórios e hoje não tomo nenhum medicamento mas tenho fracas dores todos os dias. Tambem me sinto incomodada por não conseguir manter o mesmo rítmo de vida q tinha antes de tudo começar.
Sou veterinaria, gosto muito de trabalho de campo que exige muito esforço físico além do mais sou motociclista e AMO andar de moto...é meu esporte preferido. Hoje, olho minha moto na garagem e não consigo nem move-la.
Chorei muito mas agora cheguei a conclusão q preciso saber pra que e não porque a EA apareceu na minha vida.
Vamos acreditar....tudo vai dar certo...
Quanto ao medicamento Humira, não tenha stanto receio. Se ler a bula da dipirona e dos antiinflamatórios vai ver q são tambem muito ameaçadoras.
Acredite.... vai dar certo....lembre-se: nosso pensamento é poderoso...
Boa sorte


tania mara

Mensagens : 2
Data de inscrição : 23/12/2011
Idade : 55
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Portadora EA

Mensagem  Vagner Silva em Qui Jan 26, 2012 11:41 pm

Danielli G. escreveu:Boa tarde

Me chamo Danielli, tenho 27 anos e a 4 meses venho sentindo dores em meu pescoço, joelho, calcanhar direito e coxa direita. Procurei um médico ortopedista e fiz vários exames de raio x e de sangue que por fim detectaram o B27 positivo. A 3 semanas procurei um reumatologista que solicitou vários outros exames e raio x e diagnosticou a EA. Desde que comecei a sentir dores venho tomando relaxantes musculares, anti inflamatórios e remédios para conter a dor, que neste momento já não estão mais fazendo efeito. Hoje peguei com meu médico o processo para a solicitação do remédio Humira pelo SUS, porém confesso que lendo a bula e as contra indicações estou com um pouco de receio de tomar a medicação.
Sou funcionária pública da prefeitura, sou Assistente Social e meu médico me deu atestado médico por tempo indeterminado para tentar através da Previdência Social receber o Auxílio Doença. Talvez o que mais me incomode não seja as dores, mas o fato de estar "incapacitada" para o trabalho sendo eu uma pessoa sempre tão ativa e independente..

Agradeço o espaço para podermos nos abrir.


Dani [i]

Primeiro, se você começar a ler as bular de todos os medicamentos , vai acreditar que chá e o melhor remedi.

Segundo, Sinta-se feliz por ter descoberto a doença cedo.. vai por mim... poderia ser pior...

Terceiro, Não lamente por estar afastada, você não iria gosta de sentir na pela como e fica sem remuneração, ficando assim totalmente dependente da sua familia, não que seja ruim... mas nada melhor que voce ter sua propria renda.


Quarto, não lamamente por ter... , não chore , não se de o trabalho de fica depre, nada disso vai amenizar as dores fisicas, tente sempre manda sua mente ocupada com outras coisas... isso evitara uma depressão, na qual nao vai resolver em nada sua vida.... então nada melhor que aceitar a doença e se aceitar....


Quinto, Nâo se jugue "incapaz", não deixe de fazer as coisas que tem de fazer no dia a dia , mas sempre respeitando seus limites , portanto , saiba que para descobrir, as suas reais limitações, você terá que fazer o que tiver que fazer, e depois sim fazer uma auto-analize ... lembre que nem ninguém nem o seu medico pode lhe limitar... apenas você mesma.

Sexto, não tem sexto ... kkkkkkk




Vagner Silva

Mensagens : 3
Data de inscrição : 27/12/2010
Idade : 34

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

portadora EA

Mensagem  Justino Romão em Qua Fev 01, 2012 4:27 pm

Danielli

O Wagner disse bem..

Cada um de nós tem que adaptar a sua vida à doença, mas devo comentar que a melhor solução será manter-se activa, prosseguir a actividade profissional, até ao limite. porque ficar em casa só vai piorar. O trabalho, o mexer-se, o ter que ir, alivia. Mesmo quando estava mesmo mal (eu), lá ia agarrado às paredes, para estar ocupado, nunca faltei por ter dor. E verdade que o meu regime de trabalho permitia o dominio do tempo, chegar um pouco mais tarde.. mas sempre fui trabalhar e, embora clinicamente pudesse ser declarado com incapacidade, não pedi.
Claro que às vezes temos que explicar que não podemos fazer algumas coisas...mas fazemos o que podemos.

justino

Justino Romão

Mensagens : 109
Data de inscrição : 08/02/2009
Idade : 68
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Portadora EA

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 1:19 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum