Doença antiga, diagnostico recente!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Doença antiga, diagnostico recente!

Mensagem  Hugo Gomes em Sab Mar 08, 2014 9:55 am

Olá a todos.

Recentemente foi-me diagnosticada EA, após vários anos a viver com dores e mal estar.

Inicialmente fiquei bastante apreensivo e preocupado, e neste momento estou tambem confuso...

As suspeitas da medica de família comprovaram-se através da realização de vários exames e analises clinicas.

Fui encaminhado para a especialidade de medicina interna, donde sai com receita médica para iniciar um tratamento com metotrexato e prednisolona.

Após um período de reflexão, dicidi ouvir uma segunda opinião.

Fui a um reumatologista que confirmou-me o diagnostico, sendo que aconselhou-me a nao iniciar o tratamento prescrito, mas sim fazer, de uma forma continua, acemetacina (rantudil 90 retard).

Gostaria de obter algumas opiniões sobre o assunto.

Aproveito para congratular este forum, que com certeza, tem esclarecido e ajudado os utilizadores.

Hugo Gomes

Hugo Gomes

Mensagens : 1
Data de inscrição : 08/03/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

doença antiga

Mensagem  Justino Romão em Ter Mar 11, 2014 5:44 pm

Boa noite Hugo

Faço este post reply, não para lhe trazer grande conforto, mas para comentar esta questão que a todos acontece: o do confronto de opiniões.
Não sou médico, não me permito comentar, ou escolher entre uma e outra dessas prescrições e uma prescrição resulta sempre da apreciação que o médico faz, face à sua experiência. Por vezes interroguei o médico porque tomo anos a fio um medicamento que parece não fazer nada, as dores persistiam. E ele dizia-me que eu não sabia como estaria se não tomasse e nisso tinha toda a razão.
Acho que, face ao modo como decorreu cada uma das consultas, o Hugo tem que concluir por si qual o médico que pareceu entender melhor a sua situação 3e melhor definiu a estratégia de combate à doença; face a isso, deve confiar e seguir o que foi prescrito por ele. Porque, medicamentos para a EA há muitos, a escolha depende da fase em que a doença está, do que está afectado, da abordagem que é própria de cada médico.
Podem ser diferentes e isso não significa necessáriamente uma ser melhor que outra. Muitas vezes iniciamos uma terapeutica e depois temos que evoluir para outra, porque não deu resultado. Em diálogo com o médico que escolher e confiando nele, poderá ir acompanhando a evolução e os resultados da terapeutica escolhida. E o que posso dizer. Justino

Justino Romão

Mensagens : 109
Data de inscrição : 08/02/2009
Idade : 68
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum